Santo Antônio do Pinhal

Um pouco da história…

O povoamento do alto da serra da Mantiqueira, na região do vale do Sapucaí-Mirim, iniciou-se no fim do século XVIII, pois constituía passagem obrigatória das penetrações para Minas Gerais.
O desbravamento do lugar deveu-se a Gaspar Vaz da Cunha, que no vale do Sapucaí estabeleceu fazenda de criação de gado. Outros nomes ligados ao povoamento foram Antônio Joaquim de Oliveira e Manoel José da Cruz, sendo que o primeiro, em 17 de junho de 1860, doou terras para o Patrimônio de Santo Antônio de Pádua, onde foi construída capela e passou a constituir ponto de atração dos moradores da região.

No entanto, o povoado cresceu numa área litigiosa entre a Província de São Paulo e de Minas Gerais, onde força organizada em Pindamonhangaba acabou por queimar as instalações, expulsando os grandes mineiros da localidade, que passou a chamar-se Santo Antônio do Rancho Queimado.
Santo Antônio do Pinhal foi elevado a Freguesia pela Lei Provincial N.ºde 23 de março de 1861, e anexado ao Município de São Bento do Sapucaí; a Distrito de Paz, em 1880, e anexado ao Município de Campos do Jordão, em dezembro de 1934. Em 1944 voltou a anexar-se a São Bento do Sapucaí, ganhando autonomia em fevereiro de 1959.

Distrito de Santo Antônio do Pinhal, criado por Lei Provincial nº. 13, de 10 de março de 1880 e por Lei Provincial nº. 2, de 23 de março de 1861.

Em divisão administrativa do Brasil referente ao ano de 1911, figura no Município de São Bento do Sapucaí o Distrito de Santo Antônio do Pinhal.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Distrito de Santo Antônio do Pinhal permanece no Município de São Bento do Sapucaí.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, bem como, no quadro anexo ao Decreto-lei Estadual nº 9073, de 31 de março de 1938, o Distrito de Santo Antônio do Pinhal figura no Município de Campos do Jordão, pertencente ao termo judiciário de São Bento do Sapucaí, da comarca de São Bento do Sapucaí.
Em divisões territoriais de 1936 e1937, o Distrito de Santo Antônio do Pinhal é apenas judiciário.

No quadro fixado, pelo Decreto Estadual nº 9775, de 30 de novembro de 1938, para 1939- 1943, o Distrito de Santo Antônio do Pinhal permanece no Município de Campos do Jordão.

Brasão da cidade

Pelo Decreto-lei Estadual nº 14334, de 30 de novembro de 1944, o Distrito de Santo Antônio do Pinhal foi transferido do Município de Campos do Jordão para o Município de São Bento do Sapucaí, onde figura em 1945-1948, assim permanecendo nos quadros fixados pelas Leis nos 233, de 24-XII-48 e 2456, de 30-XII-53 para vigorar, respectivamente, nos períodos 1949-53 e 1954.

Elevado à categoria de Município pela Lei Estadual nº 5285, de 18 de fevereiro de 1959, desmembrado do Município de São Bento do Sapucaí com sede no Distrito de Santo Antônio do Pinhal. Constituído do Distrito sede, Santo Antônio do Pinhal. Sua instalação verificou-se no dia 21 de abril de 1961.

Assim permanecendo em divisão datada de 01-VII-1960.

Sobre a cidade

Com pouco mais de 8 mil habitantes Santo Antônio do Pinhal é uma estância climática localizada na divisa de Minas Gerais na região da Serra da Mantiqueira.
Santo Antônio do Pinhal

A cidade está localizada a mais de 1100 metros acima do nível do mar. Começou a ser conhecida por suas águas puras e de propriedades medicinais, muitos crêem que as águas das fontes da cidade, principalmente da fonte Santo Antônio, trazem a realização dos seus pedidos. A música raiz pode ser facilmente encontrada nas praças, festas e comunidades ao som de sanfonas, violas, violões entre outros.
Santo Antônio do Pinhal

Há inúmeras manifestações folclóricas na cidade, realizadas principalmente nas festas juninas, mês do folclore e festa religiosa, mostrando uma característica mineira. O município segue suas festas tradicionalmente recebendo turistas de toda a região. A festa de peão de boiadeiro já é uma tradicional festa no município, com abrangência regional que reúne montaria em touros, apresentação de shows e encontros de cowboys.
Sendo um dos endereços de turismo na Serra da Mantiqueira, oferece estrutura de hospedagem do mais simples ao mais luxuoso, em todas as estações do ano. Na temporada de inverno, a cidade oferece o festival de inverno, feira do artesanato regional (feirart), festa da orquídea, festiva de jazz, e uma infinidade de atrações envolvendo cada visitante com aconchego e charme na montanha.

As magias das festas de final de ano são demonstradas pela decoração das casas, comércio, igrejas e com o natal da serra onde são apresentados grupos que trazem o melhor repertório natalino da região, sem contar com a grandiosa queima de fogos, presépio animado, missas e cantos religiosos.

Todos aqueles que amam a natureza e a tranqüilidade do interior encontram em Santo Antônio do Pinhal vegetação abundante propícia aos esportes de aventura, turismo ecológico e turismo rural.

PONTOS TURÍSTICOS

Pico Agudo

A 9 km do centro da cidade, com 1.700 metros de altitude, proporciona uma visão de 360º, avistando desde a Pedra do Baú em São Bento do Sapucaí até o Vale do Paraíba, onde a olho nu em dias claros, se avista desde São José dos Campos até Aparecida do Norte. É considerado um ótimo lugar pelos praticantes de vôo livre e paragliders para saltos e pelos bikers que praticam down Hill em suas encostas.

Mirante Nossa Senhora Auxiliadora

No trevo de acesso a Santo Antônio do Pinhal, no alto do morro ergue-se uma grande imagem de Nossa Senhora, com um pátio ao redor, de onde se avista o Vale do Paraíba.

Mirante do Cruzeiro

Praça de onde você avistará toda a cidade. Local onde os moradores da cidade realizam a procissão da Via Sacra, na época da Semana Santa.

Cachoeiras e Fontes

A região possui um relevo onde se vê cachoeiras que descem vertiginosamente dos altos da Mantiqueira, destacando-se entre elas a do Lageado e Recanto das águas, de fácil acesso. Além da pureza das águas de montanha, têm ainda características medicinais próprias como as fontes Santo Antônio (radioativa) Santo Estevão (ferruginosa) e São Geraldo (magnesiana).

Estação Eugênio Lefevre

Inaugurada em 1919, verdadeira relíquia da história ferroviária do país. Conhecida como “Estação do Bondinho”, localiza-se no trevo de acesso à cidade. Atualmente pode-se realizar um pitoresco passeio de 14 km até Campos do Jordão.

Igrejas

A cidade conserva a pureza das tradições religiosas populares do Brasil e tem, ao longo do ano, várias festas religiosas. Entre elas, a dedicada ao padroeiro em junho e as de São Benedito e “Corpus Christi”. A Igreja Matriz de Santo Antônio de Pádua foi construída em madeira, no ano de 1811. Em 1924 foi iniciada, no mesmo local, a construção do templo atual, em taipa de pilão.

Fonte de Santo Antônio

Em frente a Praça Benedito Marcondes Raposa. Sua água é radioativa, muito pura e de agradável sabor.

Fonte Santo Estevão

Localizada próxima a Biblioteca Municipal no centro da cidade. Sua água é ferruginosa.

Fonte São Geraldo

Localizado logo na entrada da cidade, do lado direito da Estrada no sentido Estação Eugênio Lefreve a Santo Antônio do Pinhal. Sua água é magnesiana é pura e muito leve.

Cachoeira do Lageado

À beira da estrada que dá acesso ao Bairro do mesmo nome. Suas águas limpas convidam a um banho. A paisagem tranqüila convida a um passeio.

Cachoeira do Funil

À margem da SP- 50, no Bairro do Rio Preto a 500 metros depois da cachoeira do Rancho Feliz, em meio a Mata natural, um fenômeno um rio de águas claras e abundantes desaparece na terra, reaparecendo uns 500 metros depois.

Cachoeira do Cassunga

À margem da SP- 50, do lado esquerdo da Rodovia no sentido de Campos do Jordão.

Cachoeira do Rancho Feliz

Seguindo pela SP-46, entrando na SP-50 no sentido de São Bento do Sapucaí, após 2 km do lado esquerdo no Bairro de Rio Preto encontra-se a entrada para a cachoeira que fica escondida numa clareira no meio da mata, conservada como foi feita pela natureza. Podendo ser desfrutada para passeios e banhos.

Experimente nossas delicias:

• A Gula do Santo
Shopping Vilarejo do Pinhal – Avenida Antonio Joaquim de Oliveira – Loja 9
Tel.: (12) 3666-2080 – Ramal 2209

• Bolinho de Bacalhau e Cia – Café
Shopping Vilarejo do Pinhal – Avenida Antonio J. de Oliveira – Tel. (12) 3666.2080
Estação do Bondinho
Tel.: (12) 3666-1332

• Colibri – Restaurante e Pizzaria
Avenida Ministro Nélson Hungria, 560 – Centro
Tel.: (12) 3666-1406

• Canto da Gula
Avenida Ministro Nélson Hungria, 328 – Galeria Oyaguara – Centro
Tel.: (12) 3666-1312

• Casa de Barro – Pousada e Restaurante
Rua Benedito Jacinto da Silva, s/n – Sertãozinho
Tel.: (12) 3666-1717

• Massa ao Mel – Café, Pizzaria e Restaurante
Avenida Antonio Joaquim de Oliveira
Tel.: (12) 3666-1445

• Matinal – Doce e Salgados Caseiros – Exclusivos da Região
Avenida Ministro Nélson Hungria, 426 – Centro
Tel.: (12) 3666-1267

• Picanha na Tábua – Vilarejo Pinhal
Shopping Vilarejo do Pinhal – Avenida Antonio Joaquim de Oliveira
Tel.: (12) 3666-2080 – Ramal 2206

• Restaurante e Pizzaria do Grilo
Avenida Ministro Nélson Hungria, 729 – Centro
Tel.: (12) 3666-0252

• Restaurante Marina
Avenida Ministro Nélson Hungria, 950 – Centro
Tel.: (12) 3666-1782

• Restaurante Nippon
Rua Governador Carvalho Pinto, 350 – Centro
Tel.: (12) 3666-1353.

Faça suas compras

• Natureza Lembranças
Avenida Ministro Nélson Hungria, 732 – Centro
Tel.: (12) 3666-1407

• Armazém das Antiguidades
Avenida Ministro Nélson Hungria, 83 – Centro
Tel.: (12) 3666-2664

• Armazém da Arte
Avenida Ministro Nélson Hungria, 560-A – Centro
Tel.: (12) 3666-2505

• Feitiço das Rosas
Trevo Renópolis, km 37,5
Tel.: (12) 3666-1542

• Raios de Sol – Artesanato em Velas
Avenida Antonio Joaquim de Oliveira, 220/7 – Centro
Tel.: (12) 3666-2003 / 3666-1497

• Recanto Terra Forte – Arte e Móveis
Estrada do Barreiro, km 1
Tel.: (12) 3666-1821

© 2020 - Prefeitura Municipal de São Bento do Sapucaí - SP

Desenvolvido por FLIP COLOR

Turismo em São Bento do Sapucaí Vídeo Pt. 2

 
 

×
Turismo em São Bento do Sapucaí Vídeo Pt. 1

 
 

×
Trilha Ecológica RIO VIVO – Ana Chata e Bauzinho

 
 

×
Branca Tirana, por João Mulato e Douradinho e Grupo Novos Araçás

 
 

×
Programa Sincovat – 25/02/2013

 
 

×
Bairro do Cantagalo

 
 

×
Gula e Cia – Chocolate D’Viez

 
 

×
Coração Bento do Sapucaí

 
 

×
Slides

 
 

×
GoPro

 

×
Turismo - Base Comunitária

 
 

×
Congada - Dona Luzia

 
 

×
AVISO - Webmail

Leia com Atenção!

Devido ao vírus que atacou diversos computadores do mundo todo nessa última sexta e sábado, peço que você usuário do Webmail da Prefeitura Municipal de São Bento do Sapucaí siga as seguintes instruções antes de entrar efetivamente no nosso Webmail:

1 – Verifique se seu antivírus está com as definições atualizadas;
2 – Ao entrar na sua caixa de e-mail NÃO ABRA NENHUM E-MAIL ainda;
3 – Vá para caixa de Spam e apague todos os e-mails;
4 – Volte para a Caixa de Entrada (mas ainda NÃO ABRA nenhum e-mail);
5 – Na Caixa de entrada, com muita atenção e cuidado vá apagando os e-mails de remetentes desconhecidos, os que estão em outro idioma, de propaganda, de bancos, etc. Ou seja, só deixe e-mails que você realmente confiar;
6 – Faça esse procedimento para os e-mails que chegaram desde o dia 10/05, 6 dias atrás;
7 – Não baixe nenhum arquivo anexo que seja estranho.

Acesse o webmail no botão abaixo e siga as instruções explicadas. Obrigado!

Secretaria de Administração

Acesse o Webmail
×